Guia Rápidos

ebook lapis de noiva

Planner de Casamento

Brunch com as madrinhas (e madrinho) cheio de personalidade numa tarde ensolarada na Fazenda Dona Inês

Hoje está um dia perfeito para curtir esse brunch com as madrinhas (e madrinho) que a Amanda preparou.

Quem acompanha nossas redes sociais sabe que a Lorena esteve lá na Fazenda Dona Inês acompanhando de perto esse lindo dia. Aliás, o casamento também será realizado na fazenda e promete muitas emoções.

“Quando fomos conhecer a fazenda, já sabíamos que seria ali. Além do espaço ser perfeito, com vários ambientes e possibilidades incríveis, tem um acervo de móveis maravilhoso e a energia das meninas é surreal. Bateu o santo e ai não teve jeito”.

A noiva caprichou nos detalhes da papelaria e presentes, que usaram algodão e couro ecológico. Na decoração folhagem desidratada, móveis artesanais e varal de luzes do jeitinho que a Amanda queria, bem intimista, aconchegante e com muita personalidade.

As comidinhas do brunch ficaram por conta do buffet, que preparou uma grazing table deliciosa e linda, que por si só serviu como decoração da mesa. “Eu sou apaixonada por esse estilo de comida servida direto na mesa, que além de prática, traz uma boa economia com decoração e é muito mais sustentável”.

Ela ainda conta que o mais legal de uma comemoração intimista é personalizar cada detalhe, os lugares na mesa foram marcados por biscoitos com o nome de cada convidado, assim como as necessaries e bolsas. “Preferi não gravar as iniciais dos noivos ou “madrinha” para que realmente seja um presente útil para todos, que não será usado apenas em uma ocasião”.

Foi realmente uma tarde deliciosa que a Amanda pode curtir ao lado das madrinhas. Bora conferir tudooo?

 

 

O Que Mais Marcou nesse Dia Especial

“Escolhi como madrinhas, as amigas que me acompanham a vida toda. Algumas desde o jardim de infância, outras conheci na faculdade. Todas sempre muitos especiais e presentes, mas por conta da pandemia a última vez que tinha me reunido com elas, foi em março do ano passado. Acho que desde então foi a primeira vez que abracei alguém que não fosse o Léo.

E abracei tanto que quase esmaguei todas elas. Confesso que por mais especial e feliz que fosse o momento, mesmo a gente tendo optado por um brunch só com as madrinhas e um churrasco para os padrinhos para evitar o máximo de aglomeração, eu ainda me senti um pouco culpada por estar ali. Mas eu não poderia adiar muito o brunch, então, se quisesse fazer algo especial precisava ser agora, pois além das minhas amigas que estavam ali, também tenho uma outra madrinha super especial, minha irmã, que mora na Austrália.

A última vez que nos vimos foi em março do ano passado também, ela veio de surpresa pro meu aniversário e foi justamente quando começou a pandemia. Ela conseguiu voltar pra lá , ficou em quarentena e nesse tédio todo, nasceu minha sobrinha (daminha em treinamento), que por conta das fronteiras fechadas eu ainda não a conheço e só vou conhecer nas vésperas do casamento.

Então, eu não poderia adiar muito para o fazer o convite, a Austrália segue rígida em relação as fronteiras e eu não consigo imaginar o casamento sem ter elas comigo, por isso precisava fazer o convite o mais breve possível para desde então já traçarmos todos os jeitos possíveis deles conseguirem vir para o Brasil. Para minha irmã, filmei minhas mãos abrindo a caixa como se fosse a delas, li e mostrei por vídeo todos os detalhes do convite, e mais uma vez foi uma misto de sentimentos.

De felicidade por estarmos todos bem diante de uma pandemia global, de saudade, de alegria, de esperança e claro, um pouquinho de tristeza por não ter elas fisicamente presente e por ainda não poder ter segurado minha sobrinha no colo, mas com muita fé que isso acontecerá em breve. Já deu pra perceber que emoção não vai faltar no casamento né? 

O Léo me pediu em casamento em dezembro do ano passado, e por conta da pandemia decidimos não comemorar com festa de noivado. Mas para mim foi frustrante, gostaria de ter anunciando que íamos nos casar de uma maneira especial, então vi no convite das madrinhas uma ótima oportunidade para um brunch.

Escolhermos o estilo americano de cortejo, onde normalmente as madrinhas escolhidas são as melhores amigas da noiva e os padrinhos os melhores amigos do noivo. Queria muito que minhas amigas estivessem ao meu lado não só no altar, mas também nos preparativos. Queria que se sentissem parte disso e soubessem o quanto são especial”.

Convites para padrinhos de casamento: Veja AQUI ideias criativas para você convidar seus amigos do coração

 

 

Amor à Primeira Vista

A Amanda e o Leo se conheciam pelo Instagram, até que perceberam que estavam no mesmo bloquinho de pré-carnaval de 2019.

“Combinamos de nos encontrar para comer um lanche depois, mas eu realmente não colocava muita fé. O bloquinho foi péssimo, estava num dia que tudo dava errado, já tinha levado multa, tomado chuva, ficado com o carro preso no estacionamento, definitivamente não era um dia de sorte, até ver o Léo. Juro que foi amor à primeira vista, mas ainda não botava muita fé”.

Na semana seguinte, o Leo foi curtir o carnaval no Rio com os amigos e a Amanda viajou para Tulum com as minhas amigas que depois, se tornaram suas madrinhas. Para ela, tudo acabaria ali, ela na praia e ele no bloquinho.

Mas, não foi bem assim, eles trocavam mensagens o dia todo. “Dali até começarmos a namorar demorou alguns meses, mas não nos desgrudamos nunca mais”.

Casamento Brunch: TUDO o que você precisa saber está AQUI!

 

 

Um Sonho de Pedido

O pedido de casamento aconteceu em dezembro de 2020 em Boipeba. Eles combinaram de fazer um passeio ao pôr do sol para ver plânctons bioluminescentes, mas andaram tanto naquele dia e estavam tão cansados que só não desistiram por consideração a agência. “E ainda bem que não desistimos, foi mágico”.

A Amanda conta que foi mágico porque o sol caindo em cima do rio refletia absurdamente, parecia um espelho do paraíso. “O Léo comentou que desde que começamos a namorar, ele já tinha vivido muitas coisas novas que jamais tinha imaginado viver, como estar ali, numa praia praticamente deserta e sem muito turismo, remando num caiaque rumo ao mangue para ver plantons que brilhavam no escuro (ele é bem mocinho da cidade que gosta de resort, mas já deve ter até esquecido o que é isso já que a gente só se hospeda em cabanas no meio do mato e pousadinhas sustentáveis)”.

Assim que escureceu, os instrutores falaram para que eles passassem a mão de levinho na água e parecia que estavam tocando um céu estrelado. “Ali num caiaque, no meio do mangue, numa escuridão total, vivemos uma das experiências mas incríveis da vida. E depois do passeio, enquanto ainda tomávamos banho de rio, o pedido aconteceu”.

Pedido de Casamento: Confira nosso guia completo para um pedido dos sonhos. Imperdível!

 

 

Já segue a gente no Pinterest? Temos inspirações lindas esperando você por lá:

pinterest

 

Vale a pena ler

Um delicioso guia completo de Cardápios Vegetarianos e Veganos para Casamento
Maquiagem e penteado para noiva: conheça nossa seleção de beauty artists de todo Brasil
{Tendência} Como usar a flor mosquitinho no casamento

 

Fornecedores

Espaço: Fazenda Dona Inês | Mobiliário: Cahaya Urban Jungle | Buffet: Dom Duarte Buffet | Cabelo: Livia Beatriz Penteados | Maquiagem: Vivian Monferdini | Fotografia: Jefferson Alcântara Fotografia | Arranjos florais: Maíra Raiza | Manual padrinhos: Estúdio AR | Mesa posta: Divino Acervo | Doces: Dolcce – Doces finos | Presentes madrinhas: P&W Presentes | Caminho de mesa: Carretel Fitas Artesanais | Biscoitos personalizados: Candy Lovers | Vestido: Affittare

Gente que ama o que faz

Fornecedores do Lápis de Noiva nesse post

Encontre mais fornecedores no nosso GUIA

Fiquei noiva, por onde começar?

Fiquei noiva, por onde começar?

Comentários via Facebook

Deixe seu comentário via blog