Destination Wedding vintage fofo em Santa Catarina – Aline & Vitor

Sabe quando um sábado que começa cheio de emoção? Pois é, meninas, trazemos hoje para vocês um casamento que precisou de um plano B que ninguém poderia prever! Mas…deu tudo super certo, e ficou muito fofo!

A Aline e o Vitor escolheram se casar em Massaranduba, em um destination wedding (eles moram em São Paulo) para seus familiares e amigos mais próximos. Eles planejaram tudo com muito amor e carinho, para que eles e seus convidados estivessem genuinamente felizes neste dia. “Creio que as nossas escolhas foram um compilado para que nós todos nos sentíssemos amados e em família neste dia.” conta a Aline.

Já em São Paulo, aconteceu um Open House estilo Alemão e despedida de solteiro. “Na nossa despedida de solteiro, eu acabei quebrando o pé.” Nossa meninas, ela quebrou o pé!!!! E para arrumar plano B nessa hora, quem poderia prever? “A princípio bateu aquele desespero, mas conseguimos adaptar tudo. Tive que entrar de bota imobilizado no altar, mas obviamente dei um jeito de ser inesquecível e utilizei uma lambreta na minha entrada. Ficamos muito felizes com tudo! “

Impossível não se apaixonar por estes dois, por sua leveza, bom humor e pensamento rápido para dar tudo certo! Dá só uma olhada!

Dicas Da Noiva

“Espere o tempo que for para fazer do seu jeito, não tome nenhuma decisão pelo fato de ser mais barato ou o mais conveniente.” A Aline ainda  aconselha a escolha daquilo que você realmente gostou, pois é o seu dia e da pessoa que você escolheu para passar a vida. Não tente agradar a todos, pois isso é impossível. “Agrade a você mesma e ao seu futuro companheiro. Curta seu dia, e chame quem realmente importa. Casamento é algo caro, mas é algo que vale muito a pena.” Ahhh, antes de terminar, ela acrescenta para a escolha bons fornecedores, e que tudo da certo no final. “Eu achava que nunca conseguiria fazer da forma que sempre sonhei, e por fim deu certo. Seja organizada e planeje tudo com antecedência.”

Projetinhos DIY

A maioria dos itens de decoração foram feitos pela sogra da Aline ao decorrer do noivado: itens de crochê (sousplats, detalhes vidrarias), garrafas decoradas, velas e doces. Foi tudo feito com muuuuito carinho. Os livros das mesas eram da mãe do Vitor, assim como a bicicleta e máquina de escrever. A Aline e o Vitor tinham também uma máquina polaroid onde os convidados tiravam fotos durante a festa.

Momentos Inesquecíveis

“Nossa, essa é difícil. Pois, tudo foi muito especial. Curtimos cada momentos, nada foi rápido ou desapercebido.” Deste o início do dia com as madrinhas no salão e os padrinhos na barbearia, o first look, a entrada da Aline com seu irmão, os votos, foi tudo memorável. “Fizemos também uma parte onde falamos um pouco de cada padrinho e madrinha, cada e familiar, e entregamos presentes.” Para a valsa e pista de dança, o Vitor carregou a Aline no colo para o salão. “Tudo especial demais! Mas creio que o nosso first look foi demais, pois foi um momento apenas nosso, só nós dois, falando sobre nossos planos, expectativas. Sentindo aquele marco entre sonhos e realidade, expectativa sobre o que seria aquele dia e o restante da nossa vida.”

SIM, Aceito!

Como eles decidiram se casar em outubro de 2016, em novembro já haviam comprado as alianças. A aliança dele ficou com ela e a dela ficou com ele, e os dois combinaram que cada um faria o seu pedido. A Aline não aguentou e fez primeiro. “Moramos próximo da Av. Paulista. Num domingo estávamos caminhando pela avenida, e eu combinei com a minha amiga dela colocar a aliança pendurada no pescoço de nossa cachorra, a Ritalina (agora temos a Aspirina também). A Ritalina então veio correndo pela Av. Paulista em nossa direção. O Vitor quase infartou pois ele é muito protetor e achou que ela tinha fugido de casa. Quando ele viu a aliança no pescoço dela, ficou todo emocionado. E por fim, ele aceitou.” O pedido dele para ela foi bem criativo também. Os dois estavam fazendo uma brincadeira chamada “amigo ladrão” em casa, em uma confraternização de Natal com os amigos. A brincadeira consiste em um ir roubando o presente de outro. O Vitor combinou com todos que a Aline deveria ficar por último, e ninguém deveria pegar o determinado presente. O que sobrou era justamente a caixa de alianças. “Cada um foi abrindo o seu presente e quando abri o meu lá estavam as nossas alianças, foi incrível!”

Veja Também:

Casamento vintage bem animado no sul – Karoline & Matthew
Casamento Boho-Vintage no Campo – Mariana & Thiago
Mini Wedding Vintage-Romântico – Paula & Bruno

Fornecedores

Local e Buffet: Bhel eventos | Vestido da Noiva: Noivart | Sapato da Noiva: Davids Bridal | Acessório de Cabelo da Noiva: Aflorar noivas | Beleza da noiva: Studio Janaína Fonseca | Traje do Noivo: TNG | Decoração, Flores, Lapelas e Buquê da Noiva: Estilo Vintage Decoração | Celebrante: Pr. Filipe Karane | Mobiliário: Estilo Vintage Decoração + Jussanã Garcia Alvarenga | Identidade Visual e Convites: Folha de Outono | Lembrancinhas, Doces e Pães de Mel: Jussanã Garcia Alvarenga (mãe do noivo) | Bolo: Odila Bolos | Banda: Grupo Audium | DJ, Iluminação e Sonorização: Humberto Tomio | Fotografia: Leonardo Zanghelini | Vídeo: Tomio Studio | Assessoria: Vanessa Nunes | Alianças: Confidencial | Lista de Presentes: Extra e Etna

Comentários via Facebook

Deixe seu comentário via blog

Comentários via blog