Tudo que você precisa para casar

Casamento boho inspirador com pão e vinho no altar

Vanessa & Robert

“Acho que hoje todas as noivas querem um casamento Pinterest, né?” Sim ou claro?

Este casamento no estilo boho foi marcado por muita delicadeza, cores invernais e significado em cada detalhe. Para representar a pluralidade da família, o casamento foi celebrado em três idiomas: Português, Inglês e Jarawara, uma língua indígena brasileira.

Você vai se apaixonar!

Missão vestido de noiva

“Quando comecei a pesquisar os vestidos de noiva, percebi que a maioria das lojas físicas na minha cidade alugavam vestidos brilhantes, cheios de volume e com transparência. Bem diferente do que eu procurava.

Logo chamei a Vanessa da Inacia Atelier para me ajudar. Já conhecia o trabalho dela e sempre salvava seus vestidos como inspiração. Foi rápido para ela entender os meus gostos e traduziu minha essência em cada detalhe. A leveza, conforto e beleza me deixaram apaixonada. Com certeza agora indico para todas minhas amigas a fazer o vestido de noiva sob medida.”

Protagonistas de um romance da vida real

Em 2019, a Vanessa se hospedou em uma casa na aldeia Água Branca e um livro em inglês logo chamou a sua atenção. “Abri um dos livros e tinha um nome escrito Robert Irving! Uma pergunta pairava na minha mente:  quem morou aqui?”

Depois ficou sabendo que há 30 anos, um jovem veio dos Estados Unidos para o Amazonas, onde conheceu uma brasileira e foram viver na aldeia como missionários. Os filhos dos missionários cresceram na aldeia, então aquela aldeia tinha virado um lar.

Entrada da noiva no casamento boho

Coincidência ou destino?

“Essa história impactou meu coração e não imaginava que impactaria o resto dos meus dias. Ali conheci um povo, ali conheci a história de uma família. E Deus em sua infinita graça e bondade encaixou as peças do quebra cabeça. Aquele menino do livrinho “Robert Irving” hoje é meu marido, e essa família agora é minha família.” Que história linda!

Casamento boho no campo

Planejando cada detalhe

O casal decidiu organizar tudo em um ano, priorizando fornecedores que transmitissem leveza e propósito no trabalho. “Meu pedido principal para os fornecedores era que não fosse um evento cheio de pompa, mas um domingo em família celebrando o amor. Por isso decidimos fazer a cerimônia pela manhã, ao ar livre, com muito verde e o sol da manhã para aquecer, pois em junho o clima é mais friozinho no Paraná.” 

Noivos orando no casamento

Noivos deitados no cais

Planos para o futuro

O casamento foi o primeiro grande passo dado pelo casal, que planejam viajar para o Amazonas como missionários para continuar o trabalho que os sogros iniciaram.

Toda felicidade do mundo para vocês dois!

Tudo que você precisa para casar

Favoritos

Para favoritar esse post,
você precisa fazer login com usuário noiva/noivo.

Ainda não tem uma conta?
Cadastre-se