Amor de Tia

{Aperte o play para ler este post ouvindo música}

De todas as experiências que eu já vivi nessa vida, com certeza um dos dias mais emocionantes foi o dia em que eu te conheci, minha pequena!

tia3

Que sentimento desconhecido dentro do meu coração! Acho que nunca amei alguém em tão pouco tempo e com quase nada de convivência. Acho que o amor que eu sinto pela sua mãe além de se multiplicar, se transferiu para você.

Eu, que sempre fui a primeira em tudo, a primeira filha, a primeira a andar de bicicleta, a primeira neta, a primeira a ir para escola, a primeira a namorar, casar … vivo a experiência de aprender sobre ser mãe, com a sua mãe. Que presente para mim!

Confesso que não é bom ser a primeira tanto quanto a gente pensa (você saberá exatamente o que isso quer dizer quando crescer e tiver seus irmãos). É tão bom ver os erros e os acertos dos outros e aprender com eles, sabe? Eu já aprendi tanto nesses últimos 6 meses que você não faz ideia! Ao mesmo tempo que isso não garante que eu serei uma boa mãe, me garante que eu vou ter uma irmã com muita experiência e carinho para me aconselhar e ajudar. Me sinto mais leve, sabe?

Você nem sabe mas eu já fiz loucuras de amor por você. Que esquisito isso, né? Mas é verdade! Quando a sua mãe ligou avisando que você estava para chegar eu comprei a primeira passagem para São Paulo, vim correndo doida para que você me esperasse chegar! Mas não foi bem assim, eu cheguei um pouco depois, te vi chegar só no quarto! Que emoção! No Natal desse ano, meu voo Londrina-Rio fez uma escala em São Paulo e eu não pensei duas vezes, peguei minhas coisas e desci daquele avião só para ficar um pouquinho com você.  Essa semana mesmo, sua mãe mandou um vídeo que você dava risada e cantava com a mão na boca. Golpe baixo! No dia seguinte eu avisei, estou indo passar o final de semana com vocês! Não existe nada mais importante do que estar perto de quem a gente ama.

E eu te amo.

Você cresce tão rápido que meu coração fica apertado de ficar longe, de perder as bochechas crescendo, os cílios ficando mais encurvados, as dobrinhas da perna e os fiozinhos aparecendo nessa sua carequinha. Sem falar no seu desenvolvimento, nas suas risadas, no seu olhar amoroso, na forma como você já pega nos brinquedos, se vira na cadeirinha (agora só fica de cinto de segurança! rs). Definitivamente eu queria morar mais perto de você, Bela!

Sinto medo por você. Já quero que você seja feliz como você é hoje para o resto da vida. Quero que você tenha muita, muita, muita saúde. Quero que você encontre o grande amor da sua vida, provavelmente ele já nasceu e deve estar sendo educado e cuidado. Sei que me preocupo demais, mas não tem como não querer que você tenha um futuro brilhante e afirmar que eu estarei aqui para a vida toda, fazendo loucuras de amor por você sempre que precisar!

Com amor, tia Ju.

tia7 tia2 tia4NascimentoBela_junialane002

Deixe seu comentário

11comentários

  1. Nathalinha - 10 de março de 2016 às 17:38

    Que lindaaaaaaaaaaaaaas. <3

  2. Nathalinha - 10 de março de 2016 às 17:44

    Golpe baixo, Ju.

    Chorei

  3. Elane - 10 de março de 2016 às 19:36

    Golpe baixíssimo Nathalia …
    Que lindo…
    Sou tia e amo demais minha pequena tbm…
    Fico imaginando o amor de mãe , como será ?
    Acho que já sentimos um pedacinho desse amor como nossos pitoquinho :)

  4. Beatriz - 10 de março de 2016 às 20:39

    Amor de tia é tão bom! <3

  5. thais - 11 de março de 2016 às 09:35

    Nossa!! Me emocionei!! É tão bom ter uma família unida… Vcs são lindos demais!!

  6. Keiciane Batista - 14 de março de 2016 às 13:27

    Muito lindo!

  7. Agnes - 15 de março de 2016 às 10:40

    Oi Junia, tb chorei aqui lembrando do João, meu sobrinho do coração e do Matheus irmãozinho dele. Filhos da minha irmã de alma. Obrigada pelo seu carinho.

  8. Patrícia de Paula Ledoux Ruy de Souza - 15 de março de 2016 às 14:29

    Claro que eu chorei né!
    Não tenho irmã, mas tenho um irmão que é assim como você com o meu filho Ju!
    E o meu Nicolas esperou o tio chegar para poder nascer hehehe, meu parto estava previsto para o dia 18/8 (segunda) e meu irmão chegou para me visitar na sexta cedinho, 15/8, que é feriado aqui no nosso Estado, e no final da tarde comecei a sentir as dores do parto e meu filho chegou no sábado cedinho, 16/8 às 6h10. Meu irmão ficou muito feliz em poder estar comigo neste dia e se emocionou ao carregar o sobrinho no colo pela primeira vez!
    Felicidades pra vcs Família! Muito Amor!
    Paty

  9. Gabi Souza - 16 de março de 2016 às 14:41

    Gente, só eu chorei?

    Golpe baixo essa musica junto com essa carta de amor..

  10. Grazi - 17 de março de 2016 às 15:28

    Lindo e emocionante tia Ju, vc é realmente uma tia MARAVILHOSA!!! A Bela é uma menininha de sorte…. Inevitável não pensar na Benício quanto vc disse que o amor da vida dela já nascer! hahahahahahaha Sorry papais da Bela….

  11. Jéssica Freitas - 21 de março de 2016 às 11:02

    Amei tanto… golpe baixo mesmo!
    Sou titia de um príncipe chamado Davi, ele é a minha vida sabe… quando você acha que é feliz e Deus te manda um anjo tão lindo, esperto, risonho e pura saúde, rs. Isso não tem preço!
    Davi é a nossa razão desde o dia em que soubemos da sua existência!
    Amor de tia é tão gostoso!