ebook lapis de noiva

Planner de Casamento

Guia Rápidos

Mini Wedding boho chic cheio de personalidade e muito amor no Chalé Quintal – Karine & Marco

A Karine e o Marco passaram por momentos delicados em meio a pandemia com o cancelamento do casamento e as mudanças que precisaram realizar.  “Tivemos que mudar de horário diversas vezes, organizar famílias por mesa, distanciamento social”.

Mas quando o grande dia chegou, não faltou alegria e animação. Eles disseram “SIM” numa tarde adorável no Chalé Quintal, que para Karine – O Chalé quintal tem todo um visual especial, um bar vintage, detalhes lindos e isso fez toda a diferença”.

Ela é designer e foi bem detalhista em relação a decoração no estilo boho chic numa paleta de cores verde, terracota, creme, laranjinha suave. Até encomendou um led “Love Never fails” com a cor e tipografia que queria, para ser um diferencial na decoração que o Chalé Quintal propõe.

Aliás, a Karine fez toda a papelaria do casamento, além de outros projetinhos DIY como: os convites dos padrinhos, um manual dos padrinhos, as tags dos drinks, menu das mesas e um álbum de recados para os convidados colarem fotos polaroides.

Para embalar a cerimônia, eles escolheram os músicos talentosos da Música & Etc.. Meu casamento não seria o mesmo, se não tivesse os músicos da Música & Etc. Eles adaptaram meu repertório rock e ficou perfeito como eu imaginei. Também tivemos um músico tocando sax e gaita ao vivo durante o coquetel, foi espetacular.”

A Karine comenta que gostaria que a banda tivesse tido mais destaque, pois eles tiveram que tocar no piso superior, um pouco escondidos. “E se não fosse a pandemia, eu teria feito o casamento a noite como era o plano inicial”.

Prepare-se para se inspirar nessas lindas fotos!

 

O Dia do Casamento X  Pandemia

A Karine foi pedida em casamento no Dia dos namorados, onde tirou a aliança de dentro do fondue. Depois disso, passaram três anos e os planos para o grande dia não pararam.

“Seria para cerca de 180 pessoas, em um sítio bem amplo com um estilo um pouco rústico. Tínhamos marcado para novembro de 2019, mas em meio a tanta incerteza financeira, o Marco preferiu adiar. Isso me devastou bastante, porque eu já tinha pensado em tudo, já tínhamos visto local e buffet, mas acabamos adiando mesmo”.

Nesse meio tempo chegou a pandemia, o Marco trabalha no segmento de roupa hospitalar, o que ajudou na situação financeira. Então, a Karine voltou a planejar o casamento e conheceram o Grupo Quintal, agendaram para conhecer a Casinha Quintal.

“No mesmo dia que fomos conhecer, nós fechamos a data do dia 13 de março. Era a proposta perfeita para nós, um mini wedding só com pessoas próximas e bem diferente das festonas que não curtimos muito a ideia”.

Com o avanço da pandemia, o governo estabeleceu que nenhum evento com 100% da capacidade do local podia acontecer, apenas 60% de lotação era permitido. O evento na  Casinha ocuparia 100% (60 pessoas) e, então,  foi oferecido o Chalé Quintal.

“Então está tudo certo, mas não! Faltando dez dias para o casamento, dia 03 de março o governo de São  Paulo colocou o Estado em fase vermelha, onde nenhum evento por menor que fosse poderia acontecer. Ficamos sem chão, começamos a nos ver como a maioria dos casais com seus eventos adiados e sem data em vista. Foi muito triste para nós”.

A Karine e o Marco decidiram adiar a festa para abril, mas que qualquer maneira iriam se casar na data marcada. Eles se casaram com a presença de testemunhas, mães e pastor. Depois, foram curtir a lua de mel que já estava paga.

Uma semana apenas para o casamento, o governo informa a fase de transição. Porém, a assessora do Chalé Quintal informou que na fase de transição poderiam fazer o casamento, mas teriam que mudar pequenos detalhes.

“Portanto, tínhamos uma semana para colocar tudo em ordem novamente, provar o vestido de novo, comprar itens que faltavam, avisar todos os convidados novamente, Mas no dia 24 de abril, tudo valeu a pena. Estava tudo como queríamos, um casamento descontraído, um vestido diferentão, música ao vivo, repertório perfeito, nossa cara! No fim deu tudo certo. Me emocionei no final, ao ver que tudo deu certo”.

TUDO que você precisa saber sobre Casamento intimista está AQUI!

 

 

 

 

Nosso Amor

O Marco trabalhava em uma imobiliária, onde a Karine foi contratada para ser auxiliar administrativa.

“Ele era casado na época, porém, depois de alguns anos ele acabou se divorciando. Alguns meses depois me chamou para sair e em meio a essa situação, me senti desconfortável em sair, mal entendida a história. Depois de bastante insistência, eu acabei aceitando”.

No primeiro encontro o Marco levou a Karine em um restaurante que ela sempre quis conhecer. A Karine conta que mesmo sendo oito anos mais velho, ele a pediu em namoro para sua mãe.

“Eu sempre fui uma pessoa difícil, nunca tinha namorado ninguém sério ou gostado de alguém. Muito aquariana fria, minhas amigas sempre falam para ele, que se eu aceitei casar foi porque eu finalmente tive certeza”.

Convites para padrinhos de casamento: Veja AQUI ideias criativas para você convidar seus amigos do coração

 

 

 

O Que Mais Marcou

Para Karine foi sua entrada com mãe até o altar. “Eu cresci só com ela, então, foi mais que especial para nós duas. Um segundo momento foi quando meu marido me deu um solitário durante a troca de alianças”.

Os noivos tinham combinado que não fariam discurso ou votos, porque consideram sai muito clichê. “Mas na hora, meu pastor nos “obrigou” a pegar o microfone. No final foi bacana porque saiu bem improvisado”.

Véu de noiva: Só o Lápis tem um guia completo com todos os tipos e dicas de como usar. – Clique AQUI!

 

 

 

A Karine dá as Dicas

“A dica que eu gostaria de deixar é que para mim, escolher um lugar como o Grupo Quintal foi a melhor coisa. No primeiro casamento que eu planejei no sitio, eu já estava ficando louca de tanto fornecedor e os valores assustadores que poderiam chegar.

Quando você fecha um lugar que oferece uma festa fechada, que inclui buffet, decoração e doces, já foi metade da sua sanidade mental preservada.

Antes eu tinha a impressão que contratar tudo junto tiraria a minha identidade do evento, mas isso não ocorreu. O local era minha cara, eu escolhi as comidas, bebidas, doces, adicionei detalhes, drinks, enfeites da decoração que eu fiz questão de ter, coloquei a identidade visual do casal em todos os detalhes, enfim. Saiu tudo perfeito”.

Casamento urbano: Veja aqui 8 motivos incríveis para escolher um casamento na cidade.

 

 

 

 

Já segue a gente no Pinterest? Temos inspirações lindas esperando você por lá:

pinterest

 

Vale a pena ler

Casamento tipo luau: o que é e como organizar o seu
{Tendência} Como usar maxi brincos no casamento?
{Dicas Úteis} Casamento Brunch: tudo o que você precisa saber!

 

 

Fornecedores

Local da Cerimônia, Recepção, Buffet, Decoração, Assessoria: Chalé Quintal | DJ e Banda: Música & Etc. e Samuel Morales | Site de Casamento: iCasei | Alianças: Vivara, Solitário Stella Diamonds | Vestido da Noiva: Status Noiva | Sapato da Noiva: Ginger Schutz | Acessório de Cabelo da Noiva: Mercado Livre | Beleza da noiva: Troo Noivas | Traje, Sapato, Gravata do Noivo e Padrinhos: Tutto Uomo Analia Franco e Brooksfield | Buquê da Noiva: Meire Flores | Decoração: Neon Types | Lembrancinhas: Tagpick | Bolo, Doces: Petite Fabrique Pâtisserie | Bem Casados: Zulmira Doces | Celebrante: Alexandre Laperuta | Fotografia, Vídeo: Leo Moura e equipe

Gente que ama o que faz

Fornecedores do Lápis de Noiva nesse post

Encontre mais fornecedores no nosso GUIA

Comentários via Facebook

Deixe seu comentário via blog