O Amor da Nicolli & Tiago

Quando recebemos o e-mail da Nicolli pensamos: uau! Que história de amor linda e que noiva verdadeiramente apaixonada! Percebemos em suas palavras o quanto ela estava encantada e feliz em dividir conosco este dia tão especial. Para nós é um grande privilégio poder falar e espalhar amor!

Depois de um pedido mais que especial (a Nicolli nem desconfiou), os noivos começaram os preparativos para o grande dia. Resolveram se casar ao ar livre, no campo, com a natureza como cenário perfeito para um dia repleto de amor!

A decoração romântica e delicada ficou por conta da Violeta Decorações, que soube trazer a proposta do casamento para todos os cantinhos da cerimônia e da festa. Quanto capricho!

A Nicolli estava linda e radiante, amamos o fato da noiva ter chego em um carro antigo. Que charme! Para que o grande dia fosse ainda mais perfeito (e sem imprevistos) contaram com a super assessoria da Casa de Dois, que amamos!

“Nosso grande dia foi incrível! O Tiago desde o início fez de tudo para que eu estivesse feliz nesse dia, tudo o que eu pedia ele fazia, sempre me disse que o meu sorriso o fazia feliz, e que no que dependesse dele eu nunca deixaria de sorrir. Ele nunca mediu esforços e nosso casamento saiu do jeitinho que sonhamos.” – Nicolli

NT-23NT-6 NT-48 NT-8 NT-54

História de Amor

“Só de falar da minha história com o Tiago já me emociona muito! Eu brinco com o Tiago, que eu tive que buscar ele. Deus já o queria na minha vida há muito tempo, mas que ele (Tiago), é tão tranquilo que ainda não tinha notado! Vou explicar: antes de realmente nos conhecermos tivemos duas grandes de chances:

Primeira: Eu tinha só treze aninhos, ele dezesseis. Eu estava no colégio e vivia na casa da minha melhor amiga, e do lado da casa da minha amiga tinha uma loja de móveis usados, eu até lembro da loja, mas não lembro de quem estava dentro dela todos os dias. Era ele, o Tiago! Meu futuro marido. Podíamos estar juntos desde ali, mas acho que Deus pensou que talvez não fosse a hora certa.

Após alguns anos, quando eu tinha 18 anos e o Tiago 21, comecei a trabalhar no IBGE e o meu posto de atendimento era na ETEC. E quem estudava na ETEC na mesma época? O Tiago, de novo! Durante um ano, um ano inteirinho não nos barramos uma vez sequer.

Enfim, quando eu decidi que ia sair do Brasil, acho que Papai do Céu pensou “é agora, ou nunca”. Me matriculei no intercâmbio, paguei a taxa de inscrição, convenci duas amigas a irem comigo. Eu tinha acabado de sair do IBGE e como ia fazer o intercâmbio em Abril, não podia arrumar um emprego fixo. Resolvi arrumar um dinheirinho extra e fui trabalhar no buffet onde o Tiago era maitre, e no dia 11/12/11 finalmente nos encontramos. Não tinha mais como esperar, eu não podia sair do Brasil sem conhecer o amor da minha vida.

Diversas vezes já me perguntaram se eu acreditava em amor à primeira vista, e eu nunca soube a resposta. Nesse dia (11/12/11) passei a acreditar! No momento em que coloquei os olhos no Tiago me apaixonei por ele. Foi uma sensação estranha, eu mal sabia quem ele era, era o primeiro dia de trabalho, mas as borboletas já estavam dançando aqui dentro e com o passar do fim de semana (trabalhamos os dois dias juntos), tinha mais certeza disso. No final do segundo dia de trabalho, o Tiago me levou para casa. Me deixou no portão e me chamou para sair. Eu não aceitei, estava muito cansada. Ele pediu meu telefone e ligou na mesma hora, disse: “é só para ter certeza que você passou o número correto”.

Dois dias depois de conhecer o Tiago, quando ele me deixou em casa, entrei correndo e mandei mensagem para a mesma amiga do intercâmbio: “estou apaixonada”! 

Eu estava com medo de me envolver, a viagem marcada: 1 ano nos EUA! O tempo foi passando e a gente ficando mais envolvido. Eu brincava com o Tiago, falava que tinha construído um muro em volta de mim, por conta da viagem e ele insistia:“4 meses muita coisa pode mudar, e eu posso pular esse muro” e pulou !! Meu pai que via a gente sempre junto no portão uma vez me disse “Filha, será que ele vai ser minha salvação”? Meu pai não queria que eu viajasse.

Eu estava com muito medo de ir viajar, desde o início, medo de me arrepender, medo de ficar sozinha, medo de não me adaptar e quando o conheci passei a ter medo de perde-lo também! Eu fiquei, desisti da viagem! Muitas pessoas me perguntam se me arrependo e graças a Deus não, nenhum pouco, de jeito nenhum!”

NT-689 NT-60 NT-62 NT-68 NT-73 NT-75 NT-76 NT-78 NT-80 NT-84 NT-88 NT-106+107 NT-263 NT-94 NT-104 NT-126 NT-118 NT-193 NT-199 NT-343 NT-237 NT-250 NT-302+311 NT-419 NT-651 NT-475 NT-463 NT-466 NT-528 NT-684 NT-694

Gente que ama o que faz

Assessoria: Casa de Dois | Decoração: Violeta Decorações

Fornecedores

Assessoria: Casa de Dois | Decoração: Violeta Decorações | Local: Espaço Canto das Águas | Buffet: Delikatessen Buffet | Sapato da Noiva: Juliana Bicudo | Celebrante: Eliseu Costa (amigo dos noivos) | Vestido Noiva: Silvia Belivaqua Atelier | Making of noiva: Hotel Refúgio Cheiro de Mato | Beleza da Noiva: Vinicius Vitiello | DJ: Allbino A2 Som e Evento | Fotografia: Ronaldo Canale | Bolos e Doces: Ivete Bolo e Doces | Chinelos: Rosa Pitanga | Gerador: Bira Geradores | Convite e Papelaria: Chic no último  | Vestido Damas: Antix

 

 

Deixe seu comentário

1comentários

  1. Maíra - 5 de setembro de 2016 às 12:56

    linda historia!!
    ja ja faz um ano!!
    parabéns!!